Julho 19, 2024

Um trágico acidente com vítima fatal na noite desta sexta-feira(9), próximo ao DPO de Santa Clara, litoral de São Francisco de Itabapoana. Um veículo saveiro seguia pela RJ-196, sentido centro, saiu da pista e se chocou violentamente em uma árvore.

Morreu na madrugada deste sábado, no Hospital Ferreira Machado, a segunda mulher vítima do grave acidente ocorrido no final da noite desta sexta-feira, 09, na Praia de Santa Clara, em São Francisco de Itabapoana. A primeira vítima morreu no local. No acidente duas mulheres estavam em uma pick-up Saveiro na RJ-196 sentido a São Francisco, que saiu da pista e bateu violentamente numa árvore. (Veja mais imagens abaixo)

As vítimas foram Angélica Nascimento dos Santos, 31 anos, e Fabiana Almeida Ribeiro, 49 anos. Angélica morreu no local; enquanto Fabiana foi socorrida pela equipe do Resgate Municipal para o Hospital Manoel Carola e em seguida levada em estado gravíssimo para o Hospital Ferreira Machado. Ela morreu assim que deu entrada no Ferreira Machado.

Foto: Rede Social

As primeiras equipes que chegaram no local foram do Resgate Municipal, da Guarda Civil Municipal e da Emtransfi. Os agentes de trânsito e os guardas municipais permaneceram no local aguardando a equipe do Comando de Policiamento Rodoviário do Estado do Rio de Janeiro (CPRv), que assumiu a ocorrência.

Foto: Rede Social

A violência do impacto foi tão grande que o motor do veículo se soltou e parou a alguns metros do carro. O acidente aconteceu a cerca de 200 metros do DPO de Santa Clara, numa reta. A Perícia da Polícia Civil esteve no local e um inquérito será aberto para apurar o que provocou a perda de controle no veículo. No local foi possível constatar que o ponteiro do velocímetro do veículo travou em 130 km/h.

Foto: Rede Social

A morte de Fabiana e Angélica gerou uma forte comoção na cidade. As mulheres eram muito conhecidas no município. Elas trabalhavam vendendo água de coco e Rio Cap na Avenida Vereador Edenites da Silva Viana, em frente à secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Humano.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *