SFI decreta regulamentos para horarios de atividades essenciais.

0
249

Em reunião entre a Prefeitura de São Francisco de Itabapoana (SFI), Câmara Municipal e representantes do comércio, o Gabinete de Crise e Enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19) definiu novas medidas restritivas que passaram a vigorar no sábado (20).

O decreto será publicado no dia 19, entrou em vigor o novo horário de fechamento das atividades não essenciais: 18h. Após este horário, só estará liberado o serviço de “delivery” e a atuação das atividades essenciais.

Em caso de desrespeito, além de multa, que varia de R$ 602 a R$ 12.040, também estão previstas a suspensão e cassação do alvará.

Outra ação definida é o reforço da obrigatoriedade do uso da máscara de proteção facial em espaços públicos. Tanto para este caso, quanto para os responsáveis por comércios está prevista, se houver descumprimento das regras, a inscrição na dívida ativa e, eventualmente, a negativação do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF). O trabalho de fiscalização, que envolve Departamento de Postura, Guarda Civil Municipal, Empresa Municipal de Trânsito (Emtransfi) e Polícia Militar (PM), prosseguirá.

Durante o encontro, que aconteceu na sede do Executivo, representantes da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) apresentaram dados da pandemia, destacando a necessidade de aumentar o nível de alerta para conter a velocidade da disseminação do vírus. A SMS ressaltou que, neste mês, o Brasil passou a registrar cerca de três mil óbitos diariamente, sendo necessária a preparação para lidar com este contexto.

Os moradores foram orientados anprocurarem o Hospital Municipal Manoel Carola (HMMC), em Ponto de Cacimbas, assim que aparecer os primeiros sintomas. Segundo ela, com a avaliação médica precoce, as chances de internação são minimizadas.

Vacinação — Durante a reunião, a SMS também anunciou que, nos próximos dias, a imunização contra a Covid-19 passará a ser realizada em nove polos da Estratégia Saúde da Família (ESF). A medida aguarda apenas o fim das tratativas com a PM, que dará o suporte logístico à vacinação, que segue as diretrizes do Ministério da Saúde.

AsCom SFI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui