O Dia de Ação de Graças é um feriado nacional nos Estados Unidos, mais importante, em 2020 ocorre na quinta-feira, 26 de novembro.

0
207

Tudo comecou assim: 1621, os colonos de Plymouth e os nativos americanos Wampanoag compartilharam uma festa da colheita de outono que é reconhecida hoje como uma das primeiras celebrações de Ação de Graças nas colônias. Por mais de dois séculos, dias de ação de graças foram celebrados por colônias e estados individuais. Foi somente em 1863, no meio da Guerra Civil, que o presidente Abraham Lincoln proclamou um Dia de Ação de Graças nacional a ser realizado todo mês de novembro.
…Ação de Graças em Plymouth, em setembro de 1620, um pequeno navio chamado Mayflower deixou Plymouth, Inglaterra, transportando 102 passageiros – uma variedade de separatistas religiosos em busca de um novo lar onde pudessem praticar livremente sua fé e outros indivíduos atraídos pela promessa de prosperidade e propriedade de terras no Novo Mundo. Depois de uma travessia traiçoeira e desconfortável que durou 66 dias, eles lançaram âncora perto da ponta de Cape Cod, bem ao norte de seu destino pretendido, na foz do rio Hudson. Um mês depois, o Mayflower cruzou a baía de Massachusetts, onde os peregrinos, como agora são comumente conhecidos, começaram o trabalho de estabelecer uma vila em Plymouth.
Os peregrinos realizaram sua segunda celebração do Dia de Ação de Graças em 1623 para marcar o fim de uma longa seca que ameaçou a colheita do ano e levou o governador Bradford a convocar um jejum religioso. Dias de jejum e ações de graças anuais ou ocasionais também se tornaram uma prática comum em outras colônias da Nova Inglaterra.
Durante a Revolução Americana, o Congresso Continental designou um ou mais dias de ação de graças por ano e, em 1789, George Washington emitiu a primeira proclamação de Ação de Graças pelo governo nacional dos Estados Unidos; nele, ele exortou os americanos a expressar sua gratidão pela feliz conclusão da guerra de independência do país e a ratificação bem-sucedida da Constituição dos EUA.
Em 1827, a famosa editora de revista e escritora prolífica Sarah Josepha Hale – autora, entre inúmeras outras coisas, da canção infantil “Mary Had a Little Lamb” – lançou uma campanha para estabelecer o Dia de Ação de Graças como feriado nacional. Por 36 anos, ela publicou vários editoriais e enviou dezenas de cartas a governadores, senadores, presidentes e outros políticos, ganhando o apelido de “Mãe do Dia de Ação de Graças”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui